Comunicação

Combate ao sarampo na mira do Seconci-Rio

Diante do recente surto de sarampo em vários estados do país, a conscientização sobre a importância da vacinação é indispensável. E não é de hoje que o Seconci-Rio está ciente da relevância dessa imunização. Há mais de 20 anos, a entidade fechou uma parceria com a Secretaria Municipal de Saúde para vacinar os trabalhadores da construção civil contra inúmeras enfermidades,incluindo hepatite B, febre amarela, difteria, tétano, sarampo, caxumba e rubéola. Assim, desde 1997, mais de 500 mil doses  foram aplicadas em trabalhadores, nos canteiros de obra.

Essa parceria com o Governo Federal visa ajudar na redução dos índices de contágio e de surgimentos de novos episódios de doenças. Diariamente, o Seconci-Rio coloca uma equipe de vacinação nos canteiros de obras da região metropolitana do RJ para fazer as aplicações e verificar a carteira de vacinação dos operários. Além disso, a imunização pode ser feita na sede do Seconci-Rio, bastando que o trabalhador  compareça ao local com carteira de trabalho e contra-cheque. O atendimento acontece de segunda a sexta-feira, das 11h às 17h.

Sobre a vacina contra o sarampo

Introduzida no Brasil na década de 60, a vacina é o único meio de prevenção do sarampo, que não possui tratamento e é contagiosa. A doença é transmitida por tosse e espirro, tendo como principais sintomas febre alta, coriza e olhos irritados. O sarampo, em adultos, pode trazer consequências graves, como
pneumonia, diarreia, otite aguda (infecção no ouvido), encefalite (inflamações agudas do cérebro), podendo até mesmo provocar a morte.