Comunicação

CPISS: mais de 11 mil trabalhadores beneficiados com vistorias

A Comissão Permanente Interinstitucional de Segurança e Saúde (CPISS) realizou 121 vistorias nos canteiros de obras, em 2018, em ações educativas de fiscalização e orientação quanto às conformidades exigidas pelas normas e leis. Com o objetivo de minimizar riscos de acidentes de trabalho e prezar pela saúde e segurança, as visitas beneficiaram 11.733 trabalhadores que estavam em atividade nos canteiros.

Nessas visitas, foram analisados não só itens da Convenção Coletiva de Trabalho, mas também pontos relacionados à Saúde e Segurança exigidos pela NR-18. Assim, estão entre os pontos avaliados: concessão de vale transporte, carteira de trabalho, jornada semanal, banco de horas, marcação de ponto, instalações sanitárias, vestiário, alojamento, refeitório, cozinha, distribuição de EPI, fechamento do poço do elevador, proteção contra quedas e muitos outros.

Para o alcance de 100% de conformidade, que significam total comprometimento com a saúde e segurança na obra, empregado e empregador devem estar lado a lado nesta missão, no dia a dia das rotinas, cada um fazendo sua parte. Ao empregador, cabe proporcionar condições para que as normas de segurança, higiene e medicina do trabalho sejam cumpridas, enquanto que o empregado deve respeitar as regras de segurança do trabalho estabelecidas pela empresa, assim como participar dos treinamentos obrigatórios e trabalhar com atenção.

A CPISS faz parte das ações de campo do programa Construção Legal, reunindo técnicos cedidos pelo Sinduscon-Rio, Seconci-Rio e Sintraconst-Rio para realização das vistorias nas obras.