Saúde Assistencial

Serviço Social

No Serviço Social do SECONCI, trabalhador e empresa podem solicitar informações sobre acidente de trabalho, doenças ocupacionais, saúde, benefícios legais e outras questões pertinentes ao mercado de trabalho em geral.

Funcionamento:
 Segunda a sexta-feira, das 08:30 às 14:30h.

Agendamento:
Ligue para (21) 2101-2555 ou 3550-4590, de segunda a sexta-feira, das 08:00 às 17:00h.

 

:: Orientações para os trabalhadores:

– Informações sobre aposentadoria, auxílio doença, auxílio acidente e demais benefício previdenciários;
– Abordagens educativas de saúde sobre hipertensão arterial, diabetes, tuberculose, hanseníase, doenças sexualmente transmissíveis – DST/AIDS e dependência química (tabagismo, alcoolismo e drogadição);
– Encaminhamento à rede pública de Saúde, quando os serviços disponíveis no SECONCI não conseguem atender às demandas, além de orientação para realização destes atendimento a preços populares;
– Encaminhamento e acompanhamento de casos com suspeita de câncer de boca, previamente avaliados pelos nossos dentistas.;
– Orientação quanto à concessão de gratuidade de transporte para pessoas com deficiência, idosos e em tratamento de saúde.

 

:: Orientações para as empresas:

– Acompanhamento dos trabalhadores afastados;
– Solicitação de benefícios e seus procedimentos junto à previdência social;
– Encaminhamento e acompanhamento de trabalhadores dependentes de álcool e drogas;
– Busca de recursos de saúde junto às redes Pública e Privada;
– Auxílio na contratação de Pessoas com Deficiência (PCD);
– Orientação quanto ao andamento de processos ocupacionais.

 

Confira mais detalhes sobre alguns dos benefícios:

 

>> Auxílio doença

O que é?

Benefício pago pela Previdência Social a todo trabalhador que fica afastado do trabalho por mais de 15 dias e que se encontre habilitado junto à Previdência.

 

Carência

Para ter direito a esse benefício o trabalhador precisa ter, pelo menos, 12 meses de contribuições.

Obs: Existem patologias que dão direito ao benefício sem que haja carência, como, por exemplo, caso de pessoas com câncer ou afastadas por motivo de acidente de trabalho.

Documentos necessários:

  • Carteira Profissional atualizada;
  • Identidade;
  • PIS;
  • Número do CNPJ da empresa;
  • Em caso de filhos menores de 14 anos, certidão de nascimento;
  • Comprovante de residência;
  • Requerimento da empresa em formulário próprio do INSS;
  • Laudo Médico detalhado;
  • Atestado médico de 15 dias;
  • Exames complementares.

 

Como requerer o benefício:

A partir do 16º dia de afastamento, o trabalhador (ou a empresa) deverá requerer o benefício ao INSS, por meio dos seguintes meios:

  • Agências da Previdência Social
  • Site do INSS (clique aqui)
  • Prevfone 135 (ligação gratuita), de segunda a sábado, das 7h às 19h.

 

Informações gerais:

  • No dia da perícia, levar o laudo médico e os exames realizados;
  • O resultado da perícia estará disponível no site do INSS, no próprio dia, a partir das 21h. Após verificar o resultado, informar imediatamente à empresa;
  • Quando o trabalhador estiver em condições de voltar ao trabalho, comunicar à empresa para que seja agendado o Exame de Retorno ao Trabalho, um dia após a alta;
  • Se não houver possibilidade de retorno ao trabalho, até 15 dias do dia previsto para o término do benefício, solicitar ao Médico Assistente um novo laudo e o Pedido de Prorrogação (PP) do benefício. Fique atento a este prazo!

 

>> Acidente de trabalho

O que é?

É todo acidente ocorrido no local de trabalho ou no trajeto do trabalho para casa ou de casa para o trabalho.

Todo acidente deve ser comunicado à Empresa, independente da gravidade.
A Comunicação de Acidentes de Trabalho (CAT) tem prazo de 24 horas para ser registrada junto ao INSS.

Auxílio Doença Acidentário

É o benefício prestado pela Previdência Social ao trabalhador com vínculo, que fica incapacitado ao trabalho por mais de 15 dias, por motivo de acidente de trabalho. Para este benefício não existe carência.

Documentos necessários:

  • CAT (Comunicação de Acidente de Trabalho);
  • Atestado Médico de 15 dias (cópia);
  • Exames complementares;
  • Laudo médico detalhado;
  • Carteira Profissional atualizada;
  • CPF (original e cópia);
  • PIS (original e cópia);
  • Certidão de nascimento e cartão de vacinação dos filhos de até 7 anos; para os filhos entre 8 e 14 anos, declaração escolar (original e cópia);
  • Comprovante de residência (original e cópia);
  • Obs: A partir do 16º dia de afastamento, o trabalhador (ou a empresa) deverá requerer o benefício por uma agência da Previdência Social, pelo site gov.br ou pelo Prevfone 135 (ligação gratuita).

 

Cesta Básica para trabalhadores afastados sem recebimento de benefício

A Cesta Básica é oferecida, uma única vez, ao trabalhador, quando o mesmo retorna da primeira perícia, trazendo o Comunicado de Decisão. É uma forma de compensar quanto à espera em relação ao pagamento do benefício e fazer com que ele retorne ao Serviço Social para receber orientação.

 

Para mais esclarecimentos, entre em contato com o Serviço Social do SECONCI.