Campanhas

Doe Sangue

Seu Sangue Vale uma Vida

Certamente você já ouviu que doar sangue é um ato de solidariedade. E pode acreditar que é! O sangue que você doa é distribuído para hospitais públicos e conveniados com o SUS e utilizado, principalmente, em pacientes com doenças oncológicas e hematológicas, nas cirurgias e nas grandes emergências, como acidentes de trânsito e hemorragias agudas. Então, doar sangue é doar vida.

A importância da doação de sangue também se expressa nos índices apresentados pelo Ministério da Saúde. Atualmente, apenas 1,8% da população brasileira é doadora, o que representa cerca de 3,6 milhões de bolsas coletadas por ano. Aumentar esse índice é fundamental para que se possa atender a mais pessoas que precisam de sangue.

Mas, afinal, quem pode doar sangue? De acordo com o Instituto Estadual de Hematologia Arthur de Siqueira Cavalcanti, conhecido como Hemorio, está apto à doação:

– Quem esteja bem de saúde

– Tem entre 16 e 69 anos

   Obs: jovens com 16 e 17 anos podem doar somente com autorização dos pais ou responsável legal e portando um documento de identidade original desse responsável. 

– Pesa, no mínimo, 50 Kg

– Não está em jejum.

  Obs: Evitar apenas alimentos gordurosos nas três horas que antecedem a doação

Em contrapartida, alguns fatores* impedem que a doação seja realizada:

– Febre acima de 37°C

– Gripe ou resfriado

– Gravidez atual (impedimento até 90 dias após o parto normal e 180 dias após cesariana)

– Amamentação (impedimento até um ano após o parto)

– Uso de alguns medicamentos

– Anemia

– Realização de cirurgias

– Extração dentária (impedimento por sete dias)

– Tatuagem ou piercing (um ano sem doar)

– Vacinação (o tempo de impedimento varia de acordo com o tipo de vacina)

– Transfusão de sangue (impedimento por um ano)

Se você está dentro da população que pode salvar uma vida, não deixe de tirar um dia para ir a um hemocentro e fazer a sua parte. Confira alguns locais de coleta no Rio: Hemorio; Inca; Hospital Geral de Nova Iguaçu; Núcleo de Hemoterapia Zona Sul (Instituto Nacional de Cardiologia); Hospital Universitário Clementino Fraga Filho; Hospital dos Servidores do Estado.

*Informações do Hemorio